Revolução de ano novo

Mensagem de fim de ano do blog A Tal Independência Financeira.

Não, você não leu errado. Resolução de ano novo por si só não leva a nada. É preciso uma revolução. Da mesma forma que você não fica forte apenas se matriculando em uma academia, você também não vai conseguir mudar a sua vida financeira se não levantar peso e malhar com disciplina.

Quando eu fiz o curso pré-vestibular (isso ainda existe?) tinha uma frase atribuída a Albert Einstein estampada na capa de todas as apostilas do curso. A frase dizia: “O único lugar onde o sucesso vem antes do trabalho é no dicionário“. Por algum motivo me identifiquei com essa frase à primeira vista. Eu ainda recorro a ela sempre que me questiono se o resultado ainda longínquo compensará o esforço, seja no trabalho, nos estudos ou na jornada para a independência financeira.

Assim como as empresas definem suas missões, visões, objetivos, alvos e metas para nortear a direção da condução de seus negócios, o final de ano é uma época em que as pessoas costumam rever os seus planos pessoais, repensar o ano que passou e planejar as mudanças para o ano seguinte. São as famosas resoluções de ano novo. Acontece que na grande maioria das vezes esses planos não passam disso. Ou quando saem do papel, em geral, duram no máximo até o carnaval. Nas finanças pessoais é muito comum que isso aconteça. Levante a mão quem nunca passou o réveillon de roupa amarela para ter um ano novo mais “próspero”. Mas, além da cor da roupa, o que mais você fez sobre isso depois que se curou da ressaca do espumante.

Comigo dessa vez foi diferente. No réveillon daquele ano em que eu li o artigo que descrevo no texto O Ponto de Partida, eu fui além da resolução. Resolvi fazer uma revolução de ano novo. Me comprometi a ler pelo menos 1 artigo ou ver pelo menos 1 vídeo por dia sobre o tema de finanças pessoais durante o próximo ano. Nos dias em que não fosse possível eu dobraria a leitura no dia seguinte. Além dos novos conhecimentos adquiridos, isso me deu uma enorme satisfação pessoal por estar conseguindo cumprir um compromisso assumido comigo mesmo. Em 2018 eu me comprometo a continuar com a revolução. Mas desta vez o meu compromisso será produzir e publicar textos semanais com qualidade e conteúdo para este blog. Mesmo que só a minha mãe os leia, pelo menos terá sido uma forma de me comprometer a continuar estudando e me manter atualizado sobre o tema.

newyearE você, já definiu qual será a sua revolução? Tenho certeza que entre uma curtida e outra no Facebook, durante o intervalo da novela ou entre o primeiro e o segundo tempo do seu futebol, você conseguirá dedicar 10 minutos do seu dia para ler um blog ou ver um vídeo sobre finanças pessoas. Cuidado, afinal o carnaval está logo ali.

Feliz e próspero Ano Novo, boas festas e boas leituras!

2 respostas em “Revolução de ano novo

  1. Parabéns! Excelente texto.
    Que as pessoas possam, cada vez mais, se darem conta do poder que os hábitos tem. E de como eles podem mudar suas vidas.

    • No livro “O Poder do Hábito” o autor, Charles Duhigg, explica que todo hábito tem os mesmos três componentes: o gatilho, a ação e a recompensa. Espero que esse blog seja o gatilho para muitas pessoas criarem o hábito de poupar e investir. Obrigado por acompanhar o blog.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s